Enter your keyword

Monólogo


Minha estrada
meu caminho
eu sem tino
eu sem ninho

Meu samba 
Minha espera
Meu rádio AM
minhas sete vidas

Meu patuá
eu sem chão
minha vertigem
meu choro riso

Minha saudade
minha distância
meu ouro prata
no tchau volto já

Eu em Maktub
Minha bagagem
meus medos nela
no pedaço que fica


Poema publicado também no Site Recanto das Letras, seção Poesias (AQUI)


Nenhum comentário: